quinta-feira, 14 de julho de 2011

Pode ser apenas um novo começo

Curiosidade estranha, tive a ideia para essa postagem ontem durante a noite e ao verificar as atualizações dos blogs favoritos me deparo com uma postagem sobre outra fase da vida, a adolescência no blog Veja com seus Olhos...
Apesar de não me basear na postagem do Paulo, vou usá-la um pouco como gancho, já que escrever sobre a adolescência, é 'relativamente fácil' para um adolescente (até porque mesmo há uma semana de completar 20 anos também me considero adolescente), apesar de em muitas vezes não se entender direito essa fase, o fato de vivê-la se torna um apoio na hora de descrevê-la.
Entretanto, gostaria de dedicar essa postagem a um outro extremo da vida, a velhice (ainda que alguém me critique por usar esse termo), o fato é que durante muito tempo eu sempre tive medo de chegar a uma certa idade (praticamente a que eu estou agora [risos]) e não ter nenhuma grande realização na vida, realmente, estou chegando aos 20 anos sem nunca ter/estar cursando um curso superior, tenho a formação de técnico em programação e não tenho muito interesse em viver programando, entre outras coisas.
Talvez influenciado um pouco pelos filmes, desenhos e seriados, quando mais novo eu sempre acreditei que chegar na faixa dos 20 anos é estar um tanto velho (sei que parece um exagero, mas vai dizer isso pra uma criança), de modo que sempre achei que se não começasse nada grande até os 20, se não mudasse (ou desse um destino para) a minha vida até os 20 anos, eu jamais conseguiria sucesso no que eu fosse tentar.
Aí alguém vai criticar: "A postagem era sobre a velhice e só estais falando sobre completar 20 anos", realmente, mas tudo isso é para demonstrar a minha felicidade em constatar o quanto eu estava errado com os meus pensamentos.

Acontece que com o tempo, muitas vezes aparecem dores, doenças, a visão some um pouco, algumas tarefas antes fáceis se tornam um pouco mais complicadas, entretanto, só o tempo nos dá sabedoria e mais que isso, passar dos 60 não é sinal de se aproximar do final da vida, felizmente para muitos esse pode ser apenas um novo começo.
Fiquei feliz quando ouvi em um jornal que cada vez mais abrem vagas para pessoas com mais de 60 anos no mercado de trabalho e mais que isso, várias pessoas ao chegarem nos 60 resolvem mudar de vida e viver os seus grandes sonhos e isso (a mim pelo menos) parece ótimo, saber que existem pessoas que mesmo depois de passada quase uma vida inteira ainda não perderam a sua vontade de sonhar e realizar.
O mais incrível é que existem pessoas que mesmo depois dos 70, 80, mantém o mesmo brilho no olhar da juventude, daqueles que você encontra em alguém lá pelos seus 17, 18 onde se está cheio de sonhos e planos a serem realizados e isso é algo que me deixa fascinado, e mais que isso, me dá razões para acreditar cada vez mais que se queremos algo, não importa quanto tempo leve nem quanto esforço precisamos, se realmente acreditarmos que é possível, vamos alcançar.
Sinceramente, não sei o que vai acontecer nos próximos anos, espero que muita coisa mude para melhor (e que o mundo não acabe em 2012 [risos]) e que sobretudo eu não perca a vontade de realizar os meus sonhos, jamais.

"Nunca é tarde para [re]começar!"
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...