segunda-feira, 13 de junho de 2011

Comédia [nem um pouco] romântica

Incrível como até os meus dramas se assemelham com comédias (um tanto sem graça)...

Afinal, existem coisas que são até difíceis de acreditar, primeiramente é o fato de eu me apaixonar em fazer coisas que nem as pessoas que me convidam possuem tal paixão, como no caso do teatro, comecei influenciado e hoje em dia não consigo ficar longe de todo esse clima.

Outra coisa engraçada é que eu sempre faço as coisas para tentar ajudar ou salvar alguém, é incrível, nos últimos tempos estive refletindo e cheguei a esta estranha conclusão, a maioria das coisas que eu tento fazer são pra ajudar as outras pessoas, ou seja, ambição própria quase nula...

Mas o que realmente é digno de risadas é a minha vida sentimental, afinal, eu sempre consigo fazer algo certo dar errado, além de umas coisas que eu nem pretendo dizer, existem casos como o fato de eu ser louco por uma menina que eu nem tinha muita chance ou coisa assim, porém quando "a consegui" fui tão pressionado "pelo mundo" que refuguei na hora (e hoje não me arrependo muito disso [risos]), fora as vezes em que fui romântico demais quando menos devia (até hoje tem gente que não me perdoa por uma série presentes bonitinhos), além da vez em que fui conquistado por uma menina que eu sem querer "tinha conquistado" e o mais interessante é que talvez ela nunca tenha percebido que havia me conquistado, resultado: desastre total...
Mas como sempre dizem: "devemos sempre rir dos nossos problemas", eu pelo menos gargalho quando relembro a maioria das coisas que já aconteceu comigo, até porque com a "sorte" que eu tenho não poderia ser diferente...
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...